Primeira parada em Munique – Augustiner Brau

Como bom cicerone, o Klaus nos pegou no aeroporto e nos levou direto para uma cervejaria, a Augustiner Brau. Segundo ele, a preferida dos moradores da cidade, menos turística que outras muito conhecidas, como a Hobfbrauhaus. A Augustiner é a cervejaria mais antiga da cidade, tendo o início de suas atividades documentadas de 1328 (extraoficialmente, dizem que foi até antes). Ou seja, eles fabricam cerveja muito antes do Brasil pensar em ser um país! 😛

Um brinde a séculos aperfeiçoando a cerveja!

O prédio onde hoje fica o restaurante tem aproximadamente 200 anos, e ainda funciona como fábrica. A comida é típica da Bavária: marrecos, pernis, bolas de batata (o nome dessas bolinhas é kartoffelkloesse. Melhor chamar de bolinha, né?). Caetano pediu uma porção de pernil que tranquilamente alimentaria a nós dois.

Pratinho simples pedido por Caetano

E você acha que eu não tinha pedido também um prato para mim? Pois eu tinha. E era um prato enorme. Fui buscar no cardápio algo que poderia ser traduzido como  “tudo e mais alguma coisa da Bavária”, e veio uma panelinha com duas salsichas, uma fatia de pernil, uma coxa de marreco, uma bola de batata… e acho que era isso. Comida para uma semana, em uma panelinha na minha frente! É claro que não dei conta, mas pelo menos experimentei um pouquinho de cada coisa.

Viu? Quando eu disse que veio numa panela até a mesa, eu não estava brincando…

No caminho para os banheiros, eis que você encontra uma divisória de vidro e, do outro lado, um estábulo. Dali você pode admirar os cavalos que puxam a carroça da Augustiner na abertura da Oktoberfest. Sim, há um desfile de carroças no primeiro dia, e cada cervejaria sai com uma carroça toda adornada, puxada por seus melhores cavalos. Diferente, né? Pois é, então essa visão no caminho pro toilette na verdade é motivo de orgulho pra todos no recinto. Achei bem curioso e peculiar!

Super bem tratados – os cavalos das charretes da Augustiner Brau

Adorei começar nossa visita a Munique já visitando uma cervejaria. Ela estava bem cheia, mas com poucos turistas. Tem cardápio em inglês. E uma lojinha com souvenires, caso quiséssemos levar uma lembrancinha pra casa. Recomendo, com certeza!

Links interessantes:

Site da Augustiner Brau

Site da Hofbrauhaus

Site Oficial de Turismo na Alemanha – em português

Portal Oficial de Munique e Região da Bavária

Site Oficial da Oktoberfest de Munique

Aplicativos que me auxiliaram em minha viagem a Munique:

Munich Guide – Lonely Planet (aproveitei uma promoção e baixei free)

Munich City Guide – gratis. (app sobre Munique recomendado no site da Oktoberfest. Tem todas as atrações da cidade e infos sobre o evento).

Oktoberfest.de – gratis – A maior parte das informações está em alemão (idioma que eu não falo). Mas achei útil porque tem uma webcam mostrando a festa, ao vivo.  Tem informações sobre todas as tendas, e a capacidade das mesmas, no momento. É só jogar o texto no aplicativo do google translator, caso precise.

Munich City Walks – Self-guided Walking Tours Lite – Esse app dá uma idéia do que há pra ver na cidade e traz informações sobre pontos turisticos, mas nada muito aprofundado. Acho legal para me orientar, sempre baixo a versão lite (free) das cidades onde vou.

*Esta viagem foi feita em Setembro/Outubro de 2010. Estivemos em Munique, Schwangau, Neuschwanstein, Rothemburg ob der Tauber e Berlim. Fizemos este circuito em 12 dias.
Anúncios